O Canal do Rio Grande

Papel do tradicionalismo é destacado na Câmara de Vereadores

Compartilhe

A Sessão Plenária desta quarta-feira (4) teve como orador do Grande Expediente o vereador Eloí Costa (MDB). Na tribuna, ele abordou o tradicionalismo e sua relevância na atualidade, reforçando o início dos festejos farroupilha durante o mês de setembro, além de prestar reconhecimento a algumas lideranças tradicionalistas locais.

Eloí fez uso do espaço para saudar a cultura gaúcha fazendo honrosas menções a nomes marcantes na história do tradicionalismo do Rio Grande do Sul, como Paixão Côrtes, Barbosa Lessa e Jayme Caetano Braun. Ele também comentou sobre o papel dos Centros de Tradições Gaúchas (CTGs) junto à sociedade.

O vereador destacou as entidades como locais que propiciam o convívio social e reforçam os valores da cultura regional. Outro aspecto trazido por Eloí foi o vetor educacional, por incentivar as crianças a conhecer a história e os costumes, promovendo talentos por meio de música e dança. “A pessoa que convive desde a infância neste espaço, terá o orgulho de carregar o tradicionalismo consigo, levando o gauchismo por toda a vida”, enfatizou.

Ele ressalta outra função do CTG, a de oferecer espaço para os jovens, evitando riscos de vulnerabilidade, cumprindo assim uma função social e cultural na sociedade.

Eloí enalteceu entidades tradicionalistas e pessoas ligadas a estas, pelos serviços desempenhados a serviço da cultura gaúcha, fomentando o gauchismo na comunidade. Ele concluiu reforçando o orgulho daqueles que vivem a representar o tradicionalismo. “Para ser gaúcho, não basta nascer no Rio Grande do Sul, mas, além disso, é preciso incorporar a tradição”, afirmou.   

Honra ao Mérito

Ao final do espaço, Eloí prestou reconhecimento a alguns patrões, que são a liderança máxima de cada Centro de Tradições Gaúchas, além de pessoas ligadas ao tradicionalismo. Cada uma delas recebeu o certificado de Honra ao Mérito pelos serviços prestados à comunidade.

Receberam a honraria, a coordenadora da 7ª Região Tradicionalista, Gilda Galeazzi, o pesquisador e atuante do movimento tradicionalista, Orlei Caramês. Além destes, também foram condecorados o patrão do CTG Moacir da Motta Fortes, Adélio Gomes; o patrão do CTG Estância Nova, Antônio Loesi de Moraes; o patrão do CTG Eduardo Muller, Vilson Dornelles da Silva; o patrão do CTG Associação de Trovadores Pedro Ribeiro da Luz, Roque Peruzzolo, e o patrão do CTG Lalau Miranda, Odalino Bonamigo.

Antes da entrega dos certificados, Eloí resumiu a importância destes e de outros patrões, patroas e atuantes do tradicionalismo. “São lideranças que se doam à comunidade, levando adiante a chama do tradicionalismo gaúcho”, sublinhou.

 

Foto: Marcelo Albuquerque (Planalto News)

Leia Também Conhecido o resultado da 1ª Vertente da Música Gaúcha Encerrados oficialmente os Festejos Farroupilha em Passo Fundo A vida e a obra de Paixão Côrtes foram retratadas na Mostra da 27ª Cultura Gaúcha Planalto FM parabeniza todos os gaúchos neste 20 de setembro